Buenos Aires: o melhor da Recoleta

BuenosAires_CentroCulturalRecoleta_KBLLuccia

Centro Cultural Recoleta (imagem cortesia de KBLLuccia via Flickr)

Buenos Aires é conhecida por seus bairros cheios de personalidade, como San Telmo, Palermo, Puerto Madero, La Boca. A também famosa Recoleta é o mais elegante deles, uma região com lojas caras, hotéis tradicionais e restaurantes disputados. Mas há muito mais do que compras ou cafés entre os bonitos e bem cuidados edifícios da Recoleta. Esse bairro de ares europeus serve como cenário para um passeio por pontos de interesse histórico de Buenos Aires.

A Recoleta nasceu no fim do século 19, quando famílias ricas fugiram da epidemia de febre amarela que atingia o antigo bairro de San Telmo. Antes uma terra de fazendas ao redor do mosteiro dos monges recoletos, a região deu lugar à casas elegantes de arquitetura grandiosa em ruas arborizadas.

O coração da Recoleta é a Igreja de Nossa Senhora do Pilar, construída em 1732 e um dos melhores exemplos da arte barroca na Argentina. Mas o ponto mais famoso do bairro é o cemitério homônimo, onde estão enterrados personagens célebres da história argentina como Evita e Raul Alfonsín. Anexo ao cemitério fica o Centro Cultural Recoleta, ocupando o espaço do antigo mosteiro, com teatro, cinema e espaço para mostras visuais.

Saindo do cemitério, uma caminhada rápida leva até a Floralis Genérica, popularmente chamada “flor gigante”, uma enorme escultura prateada cujas pétalas abrem e fecham diariamente. Ao lado está o Museu Nacional de Belas Artes, um dos grandes museus da América do Sul, onde Goya, Picasso e Monet podem ser vistos perto de grandes  da arte argentina como Berni, Quinquela e Petorutti. Outro edifício dedicado às artes na Recoleta é o Palais de Glace, ou Palácio Nacional das Artes, inaugurado em 1910 como uma pista de patinação no gelo e mais tarde transformado num importante espaço para o tango portenho.

BuenosAires_Sorvete_TravisAlber

imagem cortesia de TravisAlber via Flickr

 

A Recoleta também é lugar certo para provar uma das delícias famosas de Buenos Aires: sorvete. Há muitas sorveterias incríveis na cidade, e cada portenho tem uma preferida diferente. Mas a mais famosa é a Freddo, que tem dois endereços na Recoleta. Os sabores variam conforme a época, mas para não errar, vá no de dulce de leche. E termine o passeio com uma taça de vinho argentino no La Biela, o mais famoso café do bairro.

-Gaía Passarelli

, ,

Comments are closed.