Nova York depois de Sandy

Nota do Editor: em 29 de outubro de 2012, o furacão Sandy atingiu Nova York e seus arredores, inundando ruas, túneis e linhas do metrô, causando falta de energia e destruindo muitas casas e comunidades próximas. Para saber mais sobre como a cidade está se recuperando e as consequências que os visitantes podem esperar após a tragédia do furacão, falamos com um morador de Nova York para obter mais informações. Se você está pensando em viajar para Nova York, você pode encontrar os melhores bilhetes de avião em Skyscanner

As boas notícias: a Big Apple é tão lutadora quanto as pessoas que nela vivem. Grande parte dos serviços e das atrações está funcionando normalmente como já faziam antes da tempestade. E agora até 11 de dezembro de 2012, Viator está oferecendo 10% de desconto todos os passeios de Nova York e atividades. Basta usar o código promocional GONYC.

 

Nova York

Crédito da foto: kaysha via Flickr


O furacão Sandy chegou e já foi embora, deixando um enorme caminho de destruição. Algumas comunidades, como a de Staten Island, de Red Hook e Coney Island no Brooklyn e a Rockaways, uma comunidade litorânea no Queens, ainda estão se recuperando da destruição do furacão Sandy e sofrem com a perda de suas casas durante a tempestade. Enquanto os esforços da Guarda Nacional e do governo federal continuam para ajudar as vítimas na reconstrução de suas comunidades, voluntários de outros bairros estão se unindo para prestar auxílio. É um processo difícil, mas a cidade está se recuperando.

Desde a tempestade, as pessoas que pensavam em visitar Nova York estão em dúvida se devem ou não dar continuidade a esses planos. A boa notícia para os visitantes é que muitas áreas na região próxima da cidade de Nova York têm excedido as expectativas de recuperação. A energia foi restabelecida em Manhattan e grande parte do sistema lendário de transporte público da cidade está em plena operação. Muitas empresas locais já foram reabertas e muitos habitantes de Nova York estão se unindo para ajudar as vítimas mais atingidas pela tempestade.

Manhattan, local em que grande parte dos visitantes passa a maioria de seu tempo, retomou a agitação de sempre. Embora algumas das principais atrações estejam fechadas para a realização de avaliações e reparos após a passagem de Sandy, Nova York já está à espera de seus visitantes, e os turistas têm a garantia de que boa parte da cidade já está funcionando normalmente.

De acordo com a NYC Go, uma organização oficial de marketing turístico da cidade de Nova York, alguns hotéis ainda permaneciam fechados até a última sexta-feira, mas a maioria deles está aberta. Com exceção de algumas linhas, o metrô também voltou a funcionar.

Se você irá para Nova York nas próximas semanas, veja o que precisa saber sobre o funcionamento das atrações turísticas e a infraestrutura afetada pelo furacão.

-Transportes circulares-

As linhas de metrô da MTA estão funcionando, exceto:

Os trens “1” não estão circulando de Reitor St. a South Ferry.
Os trens “R” não circulam entre Manhattan e Brooklyn. Eles também não estão circulando para Lower Manhattan (comparada na 34th St.-Herald Square). Para o serviço até Brooklyn, faça a transferência para os trens “N” ou “Q”. Para o serviço até Lower Manhattan, utilize os trens “N/Q” e faça a transferência para os trens “4/5”.

O serviço “J/Z” entre a Chambers St. e a Broad St. foi suspenso.

Os trens “A” entre Howard Beach e Mott Ave. estão suspensos. Os ônibus circulares estão operando de Howard Beach-JFK até Far Rockaway-Mott Ave. sem paradas.

Trens do PATH: a partir de 13 de novembro, os trens do PATH para New Jersey farão paradas nas estações da 9th, 14th, 23rd e 33rd Street em Manhattan. Os trens passarão direto pela Christopher Street. O serviço nas estações Hoboken, Exchange Place e World Trade Center continua suspenso.

Nova York turismo

Crédito da foto: mterzian via Flickr

-Outros meios de transporte-

Informações da NYC Go:
O túnel Queens Midtown está aberto APENAS PARA ÔNIBUS (sentido Manhattan – das 6h às 10h, sentido Queens – das 15h às 19h). O túnel estará fechado a todo o tráfego nos outros horários. O túnel Holland está ABERTO ao tráfego em ambos os sentidos. O túnel Hugh L. Carey (antigo Brooklyn-Battery) permanece fechado durante os esforços de restauração pós-enchente.

-Aeroportos da área-

Para a sorte de quem viaja de avião, os aeroportos da cidade de Nova York estão todos abertos, embora seja recomendável verificar o status do voo com a companhia aérea responsável.

La Guardia: aberto, mas funcionando com uma programação limitada.

JFK: aberto, mas as companhias aéreas estão operando com programações limitadas. O JFK Airtrain está atendendo apenas nas paradas Jamaica, Federal Circle e Howard Beach. Os ônibus circulares em Federal Circle transportarão os passageiros para os terminais das companhias aéreas.

Newark: assim como o LGA e o JFK, Newark está operando com serviço limitado. Além disso, todas as empresas de locação de carros, exceto a Avis, permanecem fechadas devido a uma queda de energia.

-Hotéis-

Informações da NYC Go:
Alguns hotéis em Lower Manhattan permanecem fechados, mas muitos deles têm previsão para reabertura em breve, incluindo o The Ritz-Carlton, o Battery Park, o New York Marriott Downtown, o W New York – Downtown, o DoubleTree by Hilton New York City – Financial District e o Andaz Wall Street.

O Wyndham Garden Long Island City/Manhattan View, no distrito do Queens, permanecerá fechado nas próximas semanas.

-Locais e atrações-

A maioria dos lugares e das atrações de NYC está aberta, embora em horários limitados. Agora que o sistema de energia foi restabelecido em Lower Manhattan, muitos locais estão abertos, incluindo:

Se você estiver disposto a ajudar, considere a possibilidade de ajudar o New York Aquarium, que foi devastado pela tempestade Sandy. Fechado por um breve período, sua ajuda será bem-vinda.

Coney Island no Brooklyn foi muito devastada pela tempestade. O Sideshow, o Freak Show e a loja de souvenirs foram muito atingidos, mas, felizmente, as cobras, os cães e os domadores estão todos fisicamente seguros. Caso você queira ajudar, veja aqui como fazer.

De acordo com as informações obtidas, a organização High Line and Friends of the High Line avisou que o parque será aberto ao público das 7h30 às 17h devido aos grandes danos sofridos.

De acordo com a NYC Go, os cruzeiros ainda passarão ao redor da Ellis Island e da Estátua da Liberdade. Devido aos danos causados pela enchente e à falta de energia, não será possível a visitação da Estátua da Liberdade e da Ellis Island. . A Statue Cruises está oferecendo passeios pelo porto com duração de uma hora com partidas do Battery Park. O Intrepid Sea, Air & Space Museum permanecerá fechado durante as próximas semanas. Se você tiver ingressos para visitar a Estátua da Liberdade e a Ellis Island, eles serão aceitos para o passeio pelo porto. Embora os passeios pelo porto tenham sido um pouco prejudicados, agora eles estão operando normalmente.

Muitos locais alteraram seus horários de funcionamento. O Memorial de 11 de setembro está aberto ao público das 10h às 16h. Em Upper Manhattan, o Museum of Art’s medieval Cloisters está aberto, embora partes do Fort Tryon Park que circunda o museu estejam fechadas.

O New-York Historical Society converterá o valor arrecadado nas entradas em verba para a recuperação após o furacão Sandy.

O Central Park Zoo agora está funcionando diariamente no horário de inverno, das 10h às 16h30.

Central Park

Central Park, depois de Sandy. Crédito da foto: asterix611 via Flickr

 

-Teatros-

Informações da NYC Go:

Todos os shows da Broadway e a maioria dos shows Off-Broadway estão sendo apresentados em horários regulares. As bilheterias da TKTS em Midtown e Downtown Brooklyn também foram reabertas. Ligue com antecedência para confirmar se haverá apresentação da produção escolhida antes de se programar.

 

-A Equipe de Viator

Planejando uma viagem? Procure coisas para fazer na Viator Nova York tours, atrações em Nova York e recomendações de viagem em Nova York.

, , ,

Comments are closed.