Top 10: Cidades para Visitar na Itália

08/09/2015

Novidades

A Itália é cheia de belas e históricas cidades que merecem uma visitinha. E como a gente sabe que montar um roteiro para conhecer o país pode ser uma tarefa bastante complicada, com a ajuda dos nossos especialistas resolvemos eleger as dez melhores cidades italianas para que você tenha uma boa perspectiva da cultura e do charme de cada região. Quem vem com a gente?

Roma

Roma, bridge and Tiber river

É a capital da Itália moderna, uma cidade cheia de história por todos os lugares que você olhar. Tem muitos monumentos antigos, igrejas medievais, belas fontes, museus e palácios renascentistas. Roma moderna é uma cidade movimentada e animada, com vários restaurantes bons e um vida noturna agitada. A Praça de São Pedro e a Cidade do Vaticano também são fáceis de visitar enquanto estiver por aqui.

Veneza

venice

Uma cidade singular construída sobre a água em meio a uma lagoa, uma das mais belas e românticas do país, bem como uma das mais populares com os visitantes da Itália e de todos os cantos do mundo. O coração de Veneza é a Piazza San Marco com a sua magnífica igreja, a Basílica de São Marcos. Há muitos museus, palácios e igrejas para visitar e passear ao longo dos canais é uma das formas mais legais de descobrir a cidade. Veneza fica no nordeste da Itália e historicamente era uma ponte entre o Oriente e o Ocidente.

Florença

florence 12

Um dos locais mais importantes do Renascimento na arquitetura e arte italiana. Sua Duomo e o Batistério são magníficos, embora um pouco lotada de turistas já que ficam na praça principal. Florença tem vários excelentes museus com muitas pinturas e esculturas famosas. Confira também os palácios e jardins Medici.

Milão

Uma das cidades mais ricas da Europa, conhecida por suas elegantes lojas, galerias e restaurantes, e com um ritmo mais de vida um pouco mais frenético do que a maioria das cidades italianas. Milão também tem um rico patrimônio artístico e cultural. Sua Duomo gótica, com a bela fachada em mármore, é simplesmente magnífica, enquanto o La Scala é uma das casas de ópera mais famosas do mundo. Em 2015, Milão é o lar da Expo Milano, a Feira Mundial de 2015.

Nápoles

Nápoles é uma das cidades mais vibrantes da Itália, situada na costa sul de Roma e sendo a cidade mais importante do sul da Itália. Nápoles passou por algumas renovações recentemente, mas ainda mantém muito do seu caráter de antigamente, com muitos tesouros históricos e artísticos.

Verona

A cidade é conhecida pela história de Romeu e Julieta e pela sua arena romana, a terceira maior da Itália e local de um famoso festival de ópera. Verona tem um belo centro medieval, ruínas romanas e um maravilhoso complexo de castelo. É a quarta cidade mais visitadas do país e vale a parada quando você estiver explorando a região norte da Itália.

Torino

turinSituada no noroeste da Itália, entre o Rio Po e a base dos Alpes, Torino é um importante pólo cultural, com excelentes museus, elegantes lojas e deliciosos restaurantes. Confira também vários bons exemplos da arquitetura barroca e os seus palácios e casas históricas, oficinas de artesanato, e ruas com galerias

Bolonha

Conhecida pela sua beleza, riqueza, culinária e de política de esquerda. Suas ruas são revestidas com belas galerias, tornando-a um bom lugar para caminhar até mesmo na chuva. Tem uma das mais antigas universidades da Europa e um belo centro medieval. Veja suas várias praças, ladeadas por pédios com pórticos. Bolonha é a maior cidade da região Emilia-Romana, no norte da Itália.

Perúgia

Situada na região central da Úmbria, é uma cidade muito cosmopolita e abriga duas universidades. Ela é o lar de um festival de jazz mundialmente famoso no verão e a sua universidade é um ótimo local para aprender italiano. Perúgia é uma cidade murada no topo de uma colina, oferecendo excelentes vistas sobre o vale, e tem vários monumentos importantes e uma bela praça central. Sua história remonta ao século IX a.C.

Gênova

genoaNa costa noroeste da Itália, Gênova é o principal porto marítimo da Itália. Foi a Capital Europeia da Cultura em 2004; e o dinheiro fluiu para o porto da cidade que ficou famoso por Colombo mas que hoje é muito mais preparado para receber seus visitantes. A cidade é o lar de um aquário fascinante, uma zona portuária interessante, e um centro histórico conhecido como o maior bairro medieval na Europa, com uma série de igrejas, palácios e museus.

-Priscila Dexheimer

, , ,

Comments are closed.